Buscar
  • Dr. Julliano Guimarães - Urologista

As Pedras nos Rins são conhecidas desde a antiguidade!


História

Cálculo urinário (litíase urinário ou cálculos renais) é conhecido desde a antiguidade, com relatos de achados de pedras nos rins em múmias egípcias de 5.000 anos a.C. Provavelmente esta doença era bem conhecida por aquela civilização, onde seria relativamente comum. O maior cálculo urinário de que há registo na época pesava mais de 1,36 Kg.

Hipócrates, o pai da medicina, descreveu os cálculos urinários e formas de trata-los em 400 a.C . A litotomia, cirurgia com acesso perineal para retirada de pedras da bexiga, era extremamente agressiva e com alto índice de mortalidade, não sendo bem vista pelos médicos da época.

Desde 1540, já no período renascentista, Michelangelo sofreu de litíase renal, fato que ficou expresso na sua obra. São conhecidos os esboços que efetuou com os conhecimentos profundos que tinha da anatomia humana, mas o registo mais significativo que deixou clara sua preocupação com a doença renal que o afetava encontra-se no teto da Capela Sistina, na pintura da Separação da Terra e da Água, onde se pode ver a imagem de um rim no manto do Criador.

Como o Cálculo Urinário tem afetado a população

Atualmente, os cálculos urinários afeta entre 6 e 12% da população adulta nos países ocidentais. Sua incidência aumentou cerca de 65% nos últimos 30 anos nos Estados Unidos, onde a prevalência atual é de 8,5%. Eles são 30% maior em homens do que em mulheres, porém essa diferença vem diminuindo com o passar dos anos pelo aumento de incidência da doença nas mulheres. O aumento da incidência dos cálculos urinários inicia-se por volta dos 20 anos e atinge seu pico entre os 40 e 60 anos de vida. A incidência entre os idosos também vem aumentando, porém permanece incomum entre as crianças (em torno de 3% dos casos).

Brancos, hispânicos e asiáticos são os mais afetados pela enfermidade e a obesidade aumenta em até 39% a ocorrência de cálculos em homens e dobra a ocorrência desses casos em mulheres.

Já sofreu ou tem algum familiar que sofre com pedras nos rins? Entre em contato e saiba como investigar as causas e prevenir essa doença que leva dor e sofrimento a tantas pessoas.

0 visualização
 

(11) 2758-5040

(11) 97185-5557

Formulário de Inscrição

©2020 por Medicina Premium®

  • Instagram
  • YouTube